Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Assiste-se hoje a um boom das cadeias de ginásios em Portugal. Aqui na margem sul, já são dois, um muito perto do outro. Penso que pretendem entrar em "guerra" um com o outro pela conquista do maior número de sócios.

 

 

 

E por aqui começa uma corrida desinfreada das pessoas para se inscreverem num deles. Tem sido a "pura da loucura". Eu tenho observado de longe. Tenho inclusive visto a degradação de um ginásio local que está prestes a fechar portas porque teve o azar de ter logo duas cadeias de ginásios a abrir perto dele. Observando de fora, parece que nesta zona as pessoas nunca viram um ginásio "a sério". O que não é verdade pois felizmente ginásios não faltam por aqui.

Eu continuo a treinar num ginásio local. Pequeno, bem equipado, ambiente divertido. Tenho sempre à minha disposição um instrutor para me orientar nos exercícios, para me criar planos de treino mensais, para me aconselhar sem pedir nada em troca. E não pago mais por isso! A realidade que tenho observado e ouvido de alguns amigos e conhecidos é que as grandes cadeias de ginásios estão super bem equipadas e possuem excelentes instalações. Para além disso, os preços são super competitivos.

 

Queres resultados? PAGA!

 

No entanto, nem tudo é perfeito. Queres um plano de treino adaptado às tuas necessidades?PAGA! Queres um intrutor que te ajude a treinar correctamente? PAGA! E o mais provável é que te tentem convencer a pagar por um PT.

O PT é a pessoa que te vai treinar diáriamente. Estará ali só para ti. As pessoas acabam por ser convencidas de que os seus objectivos só serão alcançados se tiverem constantemente o apoio do PT e um boa dose de Motivação! Para além disso, existe todo um discurso muito estudado (que é sempre o mesmo) que será oferecido aos sócios de todas as vezes que um PT se aproximar do mesmo.

 

À mensalidade acabam por acrescer todos estes custos. Fazendo bem as contas, acabamos por gastar ainda uma boa parcela do nosso ordenado.

 

Os chamados "Premium Low-Cost", não são nada mais do que os "Smart-Cost". Ou seja, uma pessoa que saiba treinar correctamente sozinha e que consiga elaborar os seus próprios planos de treino, serão aquelas que poderão usufruir das baixas mensalidades. Todas as outras (que são a maioria) terão de pagar um preço mais elevado, ou então jamais terão os resultados desejados.

 

Aulas Virtuais!

 

 

E as aulas virtuais? É uma boa forma dos ginásios reduzirem custos, sem dúvida. Mas a impessoalidade ganha aqui uma outra dimensão. As pessoas estão todas diante de um Instrutor/Intrutora virtual que em nada os irá ajudar caso estejam a cometer algum erro durante as coreografias. Para mim isto é inconcebível! Não há nada como a energia que se faz sentir numa sala com pessoas e instrutores que nos motivam constantemente.

 

Com este post eu quero transmitir que cada ginásio tem a sua forma de trabalhar e de aumentar o seu lucro. Tanto as grandes cadeias de ginásios como os ginásios locais têm pontos positivos e negativos. Apenas considero que as pessoas muitas vezes não têm conhecimento do preço que realmente vão acabar por pagar, sob pena de se sentirem desamparadas e sem conseguir atingir qualquer objectivo.

 

Por vezes, existem ginásios mais pequenos, bem equipados, com menos modalidades, mas com tudo aquilo que as pessoas necessitam para se sentirem bem e notarem evolução no seu corpo. Pensem nisso!

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:38


6 comentários

Imagem de perfil

De e.u a 10.02.2016 às 15:06

Olá!

Concordo contigo. Faltavam mais ginásios na zona de Almada, até porque acredito que a concorrência pode ser saudável, mas esta maneira "subtil" mas "feroz" de nos venderem treinos com PT, é horrível.

Quem nunca treinou, ou está a recomeçar sente-se perdido, desmotivado e corre o riscos sérios de se lesionar por não ter uma supervisão adequada!



Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.02.2016 às 00:41

Realmente concordo convosco meninas! Desde o início deste ano que queria voltar a treinar mas está difícil.
Os "serviços" adicionais, e mesmo os preços praticados deixam muito a desejar. Não serve de muito ter um ginásio com as últimas e melhores máquinas do momento e a pessoa não ser seguida e não ver o resultado dos treinos - seja perda de peso, aumento de força etc!
Raquel, parabéns pelo blogue! Adorei encontrar uma colega da António da Costa pela blogosfera!!
Sem imagem de perfil

De Joana a 11.02.2016 às 10:21

Concordo plenamente. Relativamente as aulas virtuais considero que são apenas boas para os ginásio no sentido de ser mais económico, porque para o utento não é o mais agradável já que não há ninguém para corrigir posturas ou dar a motivacão extra quando estamos a falhar as repeticoes. Claro que os resultados não serão os mesmos, no entando dá a possibilidade de treinarmos e nos desafiarmos a nós próprias o que no fim de contas também é positivo :D Todos os treinos contam!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 12.02.2016 às 17:02

Aulas virtuais, bem... se quiser isso faço em casa!
No entanto, eu concordo contigo: eu tive num ginásio local, pequeno, bem equipado e por ser pequeno tinha sempre um instrutor para me ajudar sem pagar extra; as pessoas convivem mais e chega a ser confortável treinar; infelizmente por motivos financeiros tive que desistir do ginásio. Mas concordo contigo, tenho amigas que foram para ditos "grandes ginásios" e ouvia cada coisa que eu me deixava a pensar.

~ Carla'C

Coisinhas da Carla'C (http://coisinhasdacarlac.blogspot.com/)
Facebook (https://www.facebook.com/coisinhasdacarlac) | Instagram (https://instagram.com/carlacorte87/)
Sem imagem de perfil

De Sara Ferreira a 21.04.2016 às 16:24

Já tive nos dois tipos de ginásios, e realmente quando estive num pertencente a uma grande cadeia não gostei nada, demorei imenso tempo até ter a primeira avaliação, até lá só fui ajudada na primeira vez que fui ao ginásio. Depois da avaliação foi-me passado um treino para 3 meses, e as ajuda que recebia normalmente eram de outros utentes do ginásio. E uma amiga minha que se inscreveu comigo, saiu a chorar da primeira avaliação, tal foi a "lavagem" que tentaram fazer, e quase que a obrigavam a contratar um pt.
Quando fui experimentar um ginásio local foi completamente diferente, tive um instrutor sempre comigo a fazer o treino, como o único horário que eu tinha era a hora de almoço, ele ficou lá comigo, sem nunca se queixar. E acreditem que a mensalidade era mais baixa do que a que pagava no anterior. Enfim...

Beijinhos
Sem imagem de perfil

De jessica a 21.04.2016 às 19:38

olá
por isso é que mesmo com a abertura de imesos ginasios perto da minha casa, continuo no ginasio local. pode ter menos equipamentos e aulas, mas para quem sabe minimamente o que está a fazer é excelente, e está la sempre o dono que funciona como um pt mas a custo zero com exactamente os mesmos serviços.
Isto hoje em dia é mais marketing que outra coisa, e como está na moda o fitness e o detox as pessoas caem que nem patinhos.

Adorei o post.
Beijinhos, jess
http://girlygirlsthinkpink.blogspot.pt/

Comentar post



raki
Raquel Gonçalves

O Cantinho da Raki é um blog para todas as mulheres. Neste espaço encontrarão um pouco do meu mundo - do mundo de uma mulher como vocês. Sugestões de moda, beleza, decoração, apostando em produtos de uma ótima relação preço/qualidade.

Redes Sociais


Raki's on facebook


@Cantinho_da_Raki no Instagram


Parcerias

Image and video hosting by TinyPic



Arquivo da Raki

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D